contato@comunicabc.com.br

14 de abril, 2024

2

Passo a passo da pintura residencial

pintura residencial

Aprenda como se preparar na hora de realizar uma pintura residencial para evitar erros e ter um resultado de alta qualidade

Quando vemos um pintor trabalhando, parece que é uma tarefa fácil, mas a agilidade e segurança do profissional vem do domínio de suas habilidades e anos de experiência. Na verdade, para quem não tem prática, a pintura residencial pode ser cheia de desafios.

São várias etapas que vão do preparo da parede até o acabamento final, e todas elas exigem atenção e técnicas que vão garantir um bom resultado. Se você não tiver muito tempo ou não quiser encarar o desafio, é mais fácil e seguro contar com a experiência de um profissional de pintura. Mas, se você é daquelas pessoas que gosta de fazer as atividades por conta própria, continue a leitura, pois vamos te mostrar um passo a passo bem prático para a pintura residencial.

Como preparar as paredes para receber a tinta?

Caso sua pintura seja em paredes já revestidas, ou seja, que estejam pintadas e você só vai cobri-las novamente com a mesma ou outra cor, pule para o próximo tópico. Se as paredes estão somente rebocadas, é preciso seguir as três etapas abaixo.

1º Etapa – Lixar as paredes rebocadas

O primeiro passo é deixar a superfície das paredes e tetos lisas o suficiente para receber o selador. Para isso, você precisará lixar tudo usando lixas médias (220 ou 240) nas superfícies firmes e sem excesso de reboco, e grossas (80 ou 100) para as partes menos acabadas.

2º Etapa – Aplicar o selador acrílico

Abra o produto e misture muito bem até perceber que o líquido esteja uniforme. Depois disso, despeje uma quantidade razoável na bandeja de aplicação e aplique o selador na parede com um rolo de lã de 23 cm de largura fazendo movimentos uniforme de “sobe e desce”. Espere o tempo de secagem indicado na embalagem e aplique a segunda demão do selador.

3º Etapa – Revestir as paredes com massa corrida

Nessa etapa, além da massa corrida, você precisará também de uma desempenadeira de aço e uma espátula plástica específicas para aplicação de massa.

Aplique a massa com a desempenadeira e use a espátula apenas nos cantos. Espere de 3 a 4 horas para secar, lixe tudo para regularizar a superfície e, caso necessário, faça as correções nos pequenos buracos que ficaram aplicando um pouco de massa com a espátula.

Depois de finalizada a aplicação, e a massa estiver seca, aplique uma demão de selador por cima dela para unificar as partículas que podem ter ficado soltas e suas paredes estarão prontas para receber o acabamento com a tinta.

Passo a passo para pintar paredes que já estão prontas para receber a tinta

Antes de aplicar a primeira demão de tinta, verifique se existem cascas, imperfeições e partes ocas. Use uma espátula de aço para retirar o material indesejado, lixe bem, aplique selador e depois a massa corrida, como explicado no tópico anterior.

Depois disso, está tudo preparado para receber a tinta. Veja como proceder corretamente.

1- Prepare e proteja o ambiente

É importante retirar os espelhos dos interruptores e tomadas e proteger os batentes e rodapés com fita crepe. Se a parede for receber uma cor diferente do teto, não deixe de proteger os cantos do teto para evitar borrões. Nas paredes que terão cores diferentes, proteja os cantos da parede mais clara com a fita crepe também.

Não se esqueça de proteger o chão, pode ser com jornais velhos, papelão ou uma lona preta.

2- 1º demão de tinta

Dilua a tinta conforme as indicações do fabricante e misture bem até ficar uniforme. Numa bandeja de aplicação limpa e seca, despeje um pouco de tinta, coloque o rolo até que ele fique totalmente envolto e retire o excesso na bandeja. O rolo não pode ficar encharcado. 

Comece pelas paredes menores para pegar o jeito, sempre passando a tinta em movimentos “sobe e desce” lentamente e recarregando o rolo quando notar que está ficando seco.

É importante começar nos cantos, mas deixe um espaço de aproximadamente 2 cm entre uma parede e outra, pois nessas partes mais delicadas e pequenas o correto é utilizar um pincel médio e macio. Se preferir, comece pelos cantos com o pincel e depois passe o rolo.

3- 2º demão de tinta

Entre 4 a 5 horas depois da primeira demão, a tinta estará seca e a parede preparada para receber a segunda demão.

O procedimento é o mesmo utilizado na primeira demão. No entanto, é preciso de cuidado adicional, principalmente nos cantos, pois essa é a etapa final e a qualidade do acabamento depende totalmente dela. Depois que a segunda demão estiver seca, avalie como ficou a pintura. Se achar necessário, aplique uma terceiro demão, seguindo as mesmas instruções.

Pronto, seguindo as etapas de preparação das paredes, proteção do ambiente e aplicando as demãos corretamente, respeitando o intervalo para a tinta secar, você provavelmente fará sua pintura residencial com muita qualidade.

Não se esqueça de fazer um checklist dos itens necessários. Assim, você não terá surpresas na hora de começar.

Tags:

Redação Multti Clique

Redação Multti Clique

O Multti Clique é um portal que traz as principais artigos e noticias para te ajudar. Trazendo dicas e muito conteúdo de qualidade.

Está Gostando? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *