contato@comunicabc.com.br

22 de maio, 2024

2

Gestão Financeira: 3 dicas para controlar os gastos da sua empresa 

Gestão Financeira

Quando se considera as empresas e os elementos que permitem com que elas sobrevivam e caminhem rumo ao sucesso, a gestão financeira é um dos principais e deve ser sempre considerada.

Para que a sua empresa se mantenha saudável e consiga reflexos positivos através das suas estratégias e investimentos, ter uma boa gestão financeira é um elemento-chave e totalmente indispensável.

Para se ter ideia, de acordo com alguns dados do IBGE, cerca de 50% das empresas brasileiras fecham em até 3 anos e uma das principais razões para que isso aconteça é justamente a falta de uma gestão.

Por isso, por mais que você esteja iniciando com a sua empresa de alarme residencial simples ou já esteja estabelecido no mercado há anos, a gestão financeira deve estar sempre em evidência e sob controle em sua empresa.

Pensando nisso, hoje iremos falar justamente sobre a gestão financeira, fazendo com que você entenda seu funcionamento, a importância desse termo e principalmente algumas dicas para controlar os gastos em sua empresa. Confira!

Como funciona a gestão financeira?

O funcionamento da gestão financeira é o que de fato direciona todas as ações e movimentos da empresa, pois esse processo tem como seu principal objetivo planejar e controlar todos os recursos de uma empresa.

Sendo assim, todos os aspectos que envolvem dinheiro como por exemplo, um investimento em laudo nr13 ou até mesmo os pagamentos que são realizados devem estar sob controle da gestão financeira.

Dessa forma, ao controlar e ter esse conceito bem definido a tomada de decisões e os investimentos em sua empresa tendem a ser cada vez mais assertivos, gerando benefícios e cenários únicos a sua empresa.

Por isso, independente de quais forem as técnicas ou ferramentas de gestão financeira, é essencial que essa ferramenta evite desperdícios e aumente a produtividade e o faturamento em sua empresa.

Importância da gestão financeira 

A importância da gestão financeira está associada justamente a um equilíbrio em relação aos recursos em sua empresa e até mesmo diante dos investimentos e estratégias que são realizadas.

Por isso, a gestão financeira tende a controlar desde questões internas como um investimento em um pmoc refrigeração ou até mesmo questões externas como o investimento em recursos digitais para o crescimento da empresa.

Sendo assim, para que fique claro a importância e relevância da gestão financeira dentre as empresas, confira alguns cenários que se tornam possíveis através desse controle realizado.

  • Monitorar as receitas e despesas de forma assertiva;
  • Direcionar a gestão para uma rota mais lucrativa;
  • Planejar o futuro do negócio;
  • Realizar uma gestão tributária precisa; 
  • Analisar endividamentos;
  • Definir um capital de giro;
  • Elaborar um planejamento financeiro.

Logo, através desses pontos destacados fica claro a importância da gestão financeira e o quanto ela tende a ser determinante para o futuro da empresa, por isso aplicar essa gestão e controlar os gastos em sua empresa é um passo totalmente necessário.

Dicas para realizar uma boa gestão financeira

Como está sendo visto, para que a sua empresa se mantenha diante de um funcionamento eficaz e com investimentos cada vez mais precisos, realizar uma gestão financeira precisa é algo totalmente necessário.

Com isso, para te auxiliar, preparamos algumas dicas para estabelecer uma boa gestão financeira e contar com benefícios incríveis através de um controle nos gastos da sua empresa.

1 – Planeje todos os custos e receitas 

Assim, como para a realização de um laudo sistema de exaustão e diversas questões em nossa vida é necessário ter um planejamento, diante da gestão financeira não é diferente, pois o planejamento é o alicerce de qual for a meta é planejamento estabelecido.

Por isso, ao levar em consideração o planejamento dos custos em sua empresa para realizar a gestão financeira, considere algumas questões como:

  • Despesas e receitas anteriores;
  • Receita gerada pela lista de clientes;
  • Custos operacionais;
  • Análise de custos e receitas; 
  • Investimentos para melhorias; 
  • Análise de riscos.

Logo, ao considerar essas questões, o planejamento em sua empresa tende a estar em total evidência, gerando um controle e o máximo de precisão em relação às ações da empresa.

2 – Separe a gestão financeira empresarial da pessoal 

Um dos maiores e mais comuns erros que geralmente acontecem é justamente misturar a sua receita e despesa pessoal com a empresarial, pois no final isso acaba gerando reflexos negativos em ambos.

Por isso, realize essa separação e por mais que as coisas pareçam complicadas, busque outras alternativas, mas não cometa o erro de misturar as receitas e despesas.

3 – Acompanhe o fluxo de caixa 

Essa dica de fato é uma das mais óbvias, pois acompanhar o fluxo de caixa é até mesmo algo que parece óbvio, porém é importante ressaltar essa questão pois a falta de controle de caixa é um problema grave e que deve ser sempre evitado.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Tags:

Redação Multti Clique

Redação Multti Clique

O Multti Clique é um portal que traz as principais artigos e noticias para te ajudar. Trazendo dicas e muito conteúdo de qualidade.

Está Gostando? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *